Tipos de inventário de estoque

O inventário de estoque é fundamental para todo negócio que deseja ter uma gestão eficiente e organizada do estoque.

Pode parecer básico, mas muitas empresas sofrem prejuízos porque não possuem um planejamento de estoque mínimo.

É indicado em linhas gerais fazer um inventário de estoque periodicamente. A frequência depende do gestor. Pode ser diária, semanal, mensal. Cada tipo de negócio precisa de um controle de estoque diferente.

No entanto, você deve fazer o mais rápido possível quando houver dificuldades no controle de saídas e entradas de mercadorias.

Você pode ficar atento a alguns sinais que indicam que está na hora de realizar um inventário de estoque urgente. E que sinais são estes?

• Produtos extraviados com frequência;
• Excesso de mercadorias acumuladas, ou seja, encalhadas;

Existem diversos tipos de inventários de estoque. Cada um deles possui suas características e finalidades de uso. Conheça os mais populares vamos assim dizer:

A. Inventário rotativo

Este tipo de inventário pede que o estoque seja submetido à uma nova contagem de itens com uma frequência definida, fixa (1 vez por dia,1 x por semana, 1x por mês).

Assim, os dados devem ser atualizados em intervalos de tempo predefinidos. Esse tipo de contagem é muito importante, principalmente em grandes empresas que possuem um alto giro de mercadorias.

B. Inventário cíclico

Semelhante ao inventário rotativo, esse tipo faz o ajuste periódico entre o volume dos produtos em estoque e as informações utilizadas em lançamentos contábeis.

Diferentemente do inventário rotativo que atende as necessidades de gestão, como evitar extravios e controlar os níveis de estoque, o inventário cíclico busca dar segurança à toda a base de dados da empresa. É um cruzamento de informações muito importante.

C. Inventário periódico

Neste caso, a contagem dos itens não acontece como rotina. Ela é feita no final de um período definido pela empresa.

A finalidade deste inventário periódico é a atualização de dados do sistema de estoque, a correção de possíveis falhas humanas e a construção dos demonstrativos financeiros, com mais detalhes.

D. Inventário parcial ou dinâmico

Esse tipo de contagem é de apenas uma parte do estoque do negócio. Em empresas que possuem um vasto armazém e muitos tipos de produtos, às vezes é preciso manter um controle especial sobre determinado tipo de produto.

Para esse tipo de necessidade, realiza-se um inventário parcial ou dinâmico, com foco em apenas um tipo de produto.

Aqui fica claro que pode utilizar um controle dinâmico para um produto especifico juntamente com um inventario rotativo, por exemplo. O importante é definir e seguir no processo a todo custo.

Se deseja receber em seu e-mail, conteúdos ricos que ensinam você a gerenciar melhor sua empresa, não deixe de se inscrever em nossa Lista VIP

Fernando Bueno
Siga na rede

Fernando Bueno

Consultor em FBSOLUTIONS
Sou consultor na área de implantação de sistemas ERP, com experiência na análise e implantação de projetos de sistemas, configurando a estrutura do software, capacitando usuários-chaves, ministrando treinamentos e workshops.

Atuando desde 2005 no mercado de tecnologia, desenvolvendo e implantando e sistemas gerenciais, sistemas e sites web e ecommerce.

Siga-me no Linked In
Fernando Bueno
Siga na rede