Como aumentar as vendas integrando um e-commerce ao seu ERP

Com a globalização e a expansão da internet modificam completamente a relação entre a indústria e o comércio.

Existe muita busca pela diminuição de custos, bem como a tecnologia trabalhando a favor dos negócios, facilitaram e muito o relacionamento entre o cliente, o varejo (distribuição dos produtos) e a indústria (produção dos produtos).

Esse relacionamento entre os diversos canais e segmentos, a partir do e-commerce, já é uma realidade e é extremamente necessário.

Nesse post você vai saber sobre as integrações existentes e necessárias entre a indústria, o varejo e o e-commerce,Continue lendo e confira! (modificações feitas até aqui)

Integração da indústria e varejo

A indústria que é responsável pelo desenvolvimento e produção dos bens de consumo, peças e equipamentos, se aproxima cada vez mais do cliente final.

A tecnologia permitiu que novos relacionamentos comerciais fossem possíveis e há algum tempo sistemas integrados colaboram na diminuição de custos e na melhora dos serviços, agilizando processos e atendendo o mercado com mais eficiência.

A integração dos processos entre as indústrias, a partir de contratos de fornecimento de matéria-prima, bem como relacionamentos diretos com distribuidores, atacadistas e varejo impulsionam o mercado consumidor.

Com isso, todas as áreas se alavancam e promovem grandes negociações, movimentando o mercado e criando um grande diferencial junto ao consumidor final.

Vantagens para a indústria

A indústria se beneficia dessa integração, pois, fecha contratos com grandes redes varejistas que garantem maior movimentação comercial.

Empresas que atuam no mercado digital, por meio de lojas virtuais (e-commerce), comercializam milhares de produtos todos os dias, criando também uma demanda sem precedente para a indústria.

Acordos são fechados entre indústrias e empresas do varejo, apoiados pela tecnologia que possibilita previsões de faturamento com grande precisão, identificando, inclusive, os produtos mais comercializados.

Vantagens para o comércio

Lojas abastecidas no tempo certo e centros de distribuição que recebem os produtos das indústrias, a partir da demanda gerada, garantem a entrega ao consumidor final, diminuem estoques e facilitam a logística.

Os e-commerces criaram uma característica no cliente final distinta do mercado local, esse passou a aceitar um tempo maior entre a compra do produto e a entrega.

Além disso, as vendas realizadas por meio do e-commerce criaram hábitos no mercado consumidor que até então não existiam, como, por exemplo, avaliar o produto, utilizar buscadores de preços e a compra sem intermédios de vendedores.

Também desmistificou o pagamento antecipado e a espera para receber os produtos.

Aqui entro falando sobre a integração

O que é uma API?

API — Application Programming Interface, ou Interface de Programação de Aplicativos, em português — nada mais é do que uma espécie de programa intermediário, que se encarrega de viabilizar a comunicação entre duas plataformas diferentes e que utilizam linguagens distintas de funcionamento.

Assim, o que acontece é que, a depender da empresa, muitos sistemas e softwares diferentes podem ser utilizados nas atividades. No entanto, nem todos eles são totalmente compatíveis e desenvolvidos com as mesmas linguagens, comandos e códigos que permitem a troca da informação sem nenhum tipo de embaraço.

Nesse sentido, a API atua fazendo essa ponte entre uma aplicação e outra, recebendo os dados de uma fonte, interpretando-os, padronizando-os e enviando-os para a outra aplicação, mas agora em linguagem “legível” e compatível com as especificações do sistema.

Uma empresa que precisa assinar documentos online por meio de uma ferramenta pode utilizar uma API em seu sistema, integrando essa funcionalidade de forma muito mais simples e eficiente.

Quais são as vantagens de fazer a integração via API?

A própria utilização conjunta de diferentes aplicações dentro de um mesmo ambiente já representa uma grande vantagem para a empresa. Em vez de lidar com inúmeras plataformas, cada qual com especificações e parâmetros próprios, a API permite a interoperabilidade delas, viabilizando uma comunicação muito mais produtiva e rica para o negócio a partir de um único padrão.

Contudo, como veremos a seguir, existem muitas outras vantagens de fazer a integração via API. Confira!

Facilidade de gerenciamento

Por meio de APIs é possível reduzir substancialmente o trabalho administrativo e gerencial das equipes que lidam com as aplicações da empresa. Há uma redução de esforços no desenvolvimento, na adaptação e na correção de falhas de plataformas, por exemplo, já que a API já faz todo o trabalho.

Como reflexo disso, as equipes podem focar em ações mais estratégicas, voltadas para o core business da empresa e que têm muito mais a agregar aos seus resultados.

Segurança dos dados

A maneira como as APIs garantem a integração das aplicações e permitem a troca de informações entre um ponto e outro tem como característica marcante a segurança. Isso acontece porque elas criam uma espécie de ponte, na qual apenas conjuntos específicos de informações estarão disponíveis para acesso.

Assim, os bancos de dados das empresas estarão sempre seguros, sendo acessados pelas aplicações somente naquilo que for pertinente ao seu funcionamento. Além disso, essa característica traz mais liberdade para desenvolvedores atuarem, já que podem criar aplicações mais específicas e estratégicas — focadas na automação de tarefas repetitivas, por exemplo.

Melhoria na comunicação

A API atua recebendo os dados de diferentes fontes e transformando-os em informações legíveis para outros repositórios dentro da empresa. Ou seja, o papel dessa ferramenta é padronizar a comunicação, garantindo um funcionamento integrado dos diferentes sistemas dentro do negócio.

Desse modo, é nítido que o reforço na comunicação é um dos pontos mais benéficos do uso de API. A partir dessa solução, sistemas que não poderiam contar com funções estratégicas e úteis para as atividades passam a se integrar a ferramentas desenvolvidas por terceiros, que acabam sendo mais especializadas e eficientes em determinadas funções.

Como efeito lógico disso, há um melhor aproveitamento dos sistemas empresariais e, mais ainda, dos dados que circulam dentro da empresa, que poderão chegar a outros setores de forma compreensível e prontos para serem utilizados.

Redução de custos

O quesito custos também desponta como um grande atrativo do uso de API. Inicialmente, um dos pontos que mais contribuem com a redução desses custos é a desnecessidade que a empresa terá de desenvolver todas as suas aplicações, pensar em todas as funcionalidades e integrá-las.

As APIs têm justamente essa funcionalidade. Em vez de se gastar com o desenvolvimento, ajustes e melhorias dos sistemas, é muito mais simples, produtivo e econômico adotar APIs de terceiros, integrando-as aos sistemas da empresa e, assim, direcionar os recursos e esforços para as atividades mais estratégicas.

Redução do volume de dados

As APIs são capazes de fazer integrações de forma pontual, trabalhando sobre informações específicas e restringindo o acesso quanto a outras que não têm tanta utilidade para determinada ferramenta.

Nesse contexto, há um ganho não só na segurança dos dados, mas em performance da plataforma, já que a quantidade de informações manipuladas no ambiente tende a diminuir, minimizando o uso da capacidade de processamento e armazenamento. Em outras palavras, o sistema não se ocupa com informações desnecessárias para o funcionamento de uma aplicação específica.

A integração via API  é uma ação altamente necessária no cenário atual do mercado. Cada vez mais as empresas têm necessitado compor sistemas internos mais robustos, com diferentes funcionalidades, o que exige um esforço extremo por parte das equipes internas. Por outro lado, a adoção de APIs eficientes encurta o processo de implantação de boas ferramentas, garantindo o máximo aproveitamento das informações e dos sistemas empresariais.

Nesse sentido, a FBSolutions faz essa implementação e presta todo suporte para sua empresa neste processo, tudo para facilitar a integração da ferramenta ao aplicativo da empresa cliente.

Daniele Brito

Daniele Brito

Growth Hacking e Marketing de Conteúdo em FBSOLUTIONS
Graduanda em superior de tecnologia em Marketing,
curiosa, extrovertida, sempre em busca de novos desafios. Atuei por 3 anos na área de vendas e merchandising e hoje me realizo como profissional da área de Marketing Digital.
Daniele Brito